Culto à magreza excessiva, até quando?

A atriz Megan Fox campanha para a Armani: ossos a mostra e barriga seca

Postado por: Patricia Gebara

Vivemos em um mundo que o corpo bonito é pele e osso, e o culto ao corpo perfeito ultrapassa os limites a ponto de causar mortes. A atriz Megan Fox, musa de homens e mulheres, estava causando preocupação em seus fãs em relação ao seu peso. Fox estava cada vez mais magra, porém, recentemente, foi vista em um set com o corpo bem mais saudável e declarou, em entrevista a revista Amica, que a sua perda de peso era por causa da campanha para a grife Armani, que exigia que ficasse cada vez mais magra.

Agora Megan come de tudo e está bem mais saudável, enquanto antes se alimentava de forma restritiva: “Por um ano e meio, e até quatro meses atrás, eu segui uma dieta baseada em frutas de baixa caloria e vegetais, nada de pão, açúcar ou café. Perdi peso demais. Agora como de tudo um pouco.”, declarou a revista. Será que esse foi um bom modo de chamar atenção aos distúrbios alimentares?

Megan agora bem mais saudável

Mas, apesar do mundo estar prestando mais atenção a esses problemas, ainda não é tao simples. Na televisão, revistas e até as roupas exigem que você tenha um corpo sem nada fora do lugar. Um exemplo desta pressão que todos sofrem é o livro “Maggie Goes on a Diet”, de dietas para crianças a partir de seis anos, do autor americano Paul M. Kramer. A história de uma menina de 14 anos que entra para o time de futebol depois de emagrecer, está dando o que falar.

A capa do livro de dietas para crianças do autor americano Paul Kramer

O autor está sendo acusado de incentivador de distúrbios alimentares e irresponsabilidade, para se defender diz: “Minha ideia era apenas escrever um livro que fizesse as crianças se sentirem melhores sobre si mesmas, descobrirem uma nova forma de comer, aprenderem a fazer exercício, tentar se inspirar em Maggie e aprender com sua experiência”. Apesar de toda a polêmica em torno dele, o livro, que está sendo vendido somente online pelo site Amazon, chegará as livrarias no mês de Outubro.

Nas passarelas vemos roupas dançando em modelos magérrimas. Quando um famoso está com uma curva a mais, um bombardeio de comentários maldosos caem para cima dele. Nas campanhas de moda, programas de edição de fotografia são usados para criar o corpo perfeito. Uma criança lê o livro de Kramer, e pensa: Vou ser magra, e assim vou ser aceita. É a partir dai que sites pró anorexia ganham força e fazer com o que nós nos sintamos mal com nosso corpo é a especialidade deles.

Anúncios

Publicado em 11 de setembro de 2011, em Moda e marcado como , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Também adorei! Ótima pauta pra editoria de moda, não podia faltar!!

  1. Pingback: Tendência Plus Size « Eh tipo internet?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: